• Home
  • |
  • Blog
  • |
  • Loucos de amor: Osvaldo e Gerard

 julho 22

by Aurelia Guilherme

O produtor cultural Osvaldo Lélis, 29 anos, se mudou para Londres no início desse ano.

Boa Vida Online conta mais uma história de loucos de amor. Hoje, quem abre seu coração é Osvaldo Lélis, produtor cultural, que acabou de se mudar para Londres, onde mora sua mãe, há alguns anos. Por lá, conheceu Gerard, um irlandês cheio de charme, que lhe mostrou um pouco da sua realidade. Em seu primeiro relacionamento sério, o canceriano parece estar mergulhando, profundamente, no amor.

Boa Vida Online – Você se mudou para Londres no início desse ano. O que o levou a isso?
Osvaldo – Em janeiro de 2016, me mudei para Londres, onde morei durante 5 meses. Minha mãe já mora lá há 3 anos e, por isso, também escolhi essa cidade. Queria experimentar novos ares e, uni à isso, minha vontade de aprender inglês.

Boa Vida Online – Conte um pouco como foi a sua chegada à terras inglesas. Foi difícil se acostumar?
Osvaldo – No início, foi muito difícil. Como bom canceriano, sou muito apegado ao passado e costumo não me adaptar bem à novas situações, lugares ou pessoas. Soma-se à isso, outra língua e a falta de amigos; tudo contribuiu para um começo não tão fácil. A partir do momento em que comecei a criar mais intimidade com meus colegas da escola de inglês e, quando conheci o Gerard e os amigos dele, comecei a me habituar melhor com a cidade. Além disso, o meu inglês foi ficando melhor (ainda não é bom, mas eu sobrevivo) e, com a chegada da primavera e do verão, parece que as pessoas também ficaram mais acolhedoras.

Boa Vida Online – Aqui no Brasil, você sempre gostou da noitada, no entanto, nunca se interessou por nenhum romance fixo. Havia algum receio ou, simplesmente, nunca rolou uma conexão mais forte?
Osvaldo – Eu sempre tive um bloqueio muito forte em relação à relacionamentos. Sempre me esquivava de possíveis pretendentes, me auto sabotava e tinha problemas com auto estima. Isso fez com que eu, até então 28 anos, nunca tivesse namorado. Tive sim, alguns garotos que poderiam ter dado certo, mas eu sempre inventava uma desculpa para que nada acontecesse.

Boa Vida Online – Como você conheceu o Gerard?
Osvaldo – Eu costumava sair com minhas amigas da escola, mas sempre que ia a algum lugar, estritamente gay, eu ia sozinho. Conheci o Gerard em uma quinta-feira, em um bar/café onde acontecem shows de drags queens. Eu estava sozinho e ele, que também estava, chegou para conversar comigo. Ele naturalmente me perguntou algo em inglês e eu respondi que não falava muito bem a língua e que era brasileiro. Ele muda o idioma para o o espanhol e,embora eu também não falasse o espanhol, para mim foi mais fácil entender e, manter um diálogo. Para minha surpresa, o achei uma pessoa interessantíssima, professor, fala quatro idiomas, engraçado, e, não menos importante, eu o achei bonito. Depois de várias cervejas e bons papos, sobre literatura latino americana e Almodóvar, fomos para a casa dele, em Brixton, no sul de Londres. Dormi lá pela primeira vez e parecia que já nos conhecíamos há anos. Na manhã seguinte, ele me leva café na cama, trocamos telefone e vou para a escola.

Boa Vida Online – E você se apaixonou de imediato?
Osvaldo – Eu acredito que sim, porque eu jamais teria tido um diálogo tão longo e dormiria na casa dele, normalmente. O Gerard é muito inteligente e sabe falar sobre qualquer assunto. Após a primeira noite, saímos mais vezes para jantar, dançar, fomos a museus e, sempre muito agradável, me provocando desejo de vê-lo novamente. Foi assim, e, rapidamente começamos a namorar.

Boa Vida Online – Você teve que voltar ao Brasil, mas em breve,estará de volta à Londres. Vocês pensam em morar juntos na sua volta?
Osvaldo – Tive que retornar ao Brasil, mas dentro de alguns poucos meses estou voltando para Londres. Já conversamos sobre morar juntos, mas acredito que não irá acontecer, assim logo que eu chegar. Esse não é um processo tão fácil, mas é algo que planejamos e que ambos queremos.

Boa Vida Online – Como é se relacionar de forma tão intensa com uma pessoa de outro país?
Osvaldo – Na verdade, para mim qualquer forma de relacionamento é uma novidade. Como eu nunca namorei, todas as sensações e acontecimentos são novos, a meu ver. Mas, um problema – além da distância, que é o maior deles – é a língua estrangeira; felizmente, ambos sabemos contornar. Nos comunicamos em inglês e, por isso, minha desenvoltura para a língua melhorou (apenas em situações mais extremas utilizamos o tradutor ou ele fala em espanhol). Além disso, eu não parei de estudar e ele também está aprendendo português. Nos falamos todos os dias, via mensagens e, quase sempre, por telefone ou chamadas de vídeo.


Boa Vida Online – Você conheceu os melhores lugares dessa cidade inglesa ?
Osvaldo – O Gerard é irlandês e mora em Londres há 15 anos. Eu, praticamente havia ido apenas a lugares óbvios e turísticos. Ele me apresentou lugares que até podia ter lido à respeito mas, que não conhecia, de fato: mercados, bares, boates, parques, restaurantes, museus, cinema. Se for pra mencionar lugares, eu diria o mercado de Brixton e o Royal Vauxhall Tavern, um dos pubs gays mais antigos de Londres. Em especial, gosto da Duckie, que acontece aos sábados, com perfomances artísticas e políticas.

Boa Vida Online – Onde se localiza hoje, sua percepção sobre o amor?
Osvaldo – Eu diria que em um caminho incerto, como tudo na vida. Entretanto, é um sentimento que está me fazendo bem e me faz querer continuar. É difícil dizer se estarei com ele no futuro, mas acredito que isso é o que ambos queremos. Antes de conhecê-lo, eu tinha várias teorias e fórmulas amorosas e, que depois que você vive na prática, não fazem mais sentido. É diferente para todo mundo! Sem parecer piegas, o amor é um sentimento bastante precioso, mas deve vir acompanhado pela individualidade e o respeito. Aquela história de que “aceitamos o amor que merecemos” faz sentido para mim. E nesse momento da minha vida eu escolhi amar, ser amado e viver essa história.

share this

Related Posts

Escova Progressiva Segura

Ogum, São Jorge ou Santo Antônio em 2019

Prazer, Casa 08 – Veja o filme e se transforme

>